sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Não Gosta de Estudar?

Os seus filhos não pegam nos livros? Os livros são piores que os vilões mais detestáveis das bandas desenhadas?
 Pensam que são obrigados! Mas aprendessem a gostar de estudar. Como? Impossivel? Não!

À partida quando se começa a pensar em livros abertos, letras para memorizar, perceber, aplicar, a qualquer um lhe apetece agarrar no seu skate, bike ou jacto e fazer tudo menos o seu dever.
  No entanto, toda a gente descobre, por vezes na mais pequena e insignificante coisa, a chave para o sucesso.

Um estudante que sente uma alegria enorme quando faz luta com as suas canetas, combates em jogos e joguinhos desse género. Sabe ele que estudar pode ser uma verdadeira luta? Se ele pensar em cada página como um desafio, e no fim, como prémio, olha para as suas canetas e começa um duelo de espadas para relaxar, com o tempo estudar tornar-se-á um prazer.

Uma rapariga que adore autocolantes, se começar a colar um por cada página estudada, o estudo também se tornará um prazer. Parece parvo? A sensação de alcançar a visão um caderno todo bonito e decorado manda uma mensagem ao cérebro de que aquilo dá frutos e é bom. Com o tempo ela vai começar a sentir prazer em estudar.

Uma pessoa muito vaidosa ou que adore representar. Se agarrar nos livros de matéria e começar a decorá-los à frente de uma espelho, parando de pagina em página para se olhar ou fazer uma frase encenada sobre a matéria ou não, o estudo tornar-se-á um momento de prazer. Pois cada pausa em frente ao espelho é para ela uma alegria. Até o acto de dizer a matéria em voz alta para o espelho muda tudo.

Uma pessoa que adore ginástica, ou qualquer tipo de desporto, que não consiga ficar quieta a estudar. Não fique. Eu própria assim o fiz e o faço. Se tenho algo para decorar ponho-me de pernas para cima encostadas a um móvel do meu quarto e ando a levantar-me e a mexer-me de um lado para outro enquanto decoro. Repito as frases e faço o que mais gosto ao mesmo tempo. E os resultados são favoráveis.

Cada pessoa tem pequenas coisas que gosta. Só tem de descobri-las e aplicá-las no seu próprio sucesso.

Se tiverem exemplos de pessoas diferentes dos dados não exitem em perguntar o que quiserem.

Sem comentários:

Enviar um comentário